Policial civil suspeito de extorquir comerciantes de Campina Grande é baleado e preso


Suspeito baleado vai precisar passar por uma cirurgia no braço, mas o estado de saúde dele é estável. Policial civil foi preso em Campina Grande Geraldo Jerônimo/TV Paraíba Um policial civil paraibano foi baleado e detido na noite desta quinta-feira (14) depois de uma ação da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco). De acordo com o superintendente da Polícia Civil da Paraíba em Campina Grande, Paulo Ênio, o policial preso estava extorquindo comerciantes do centro de Campina Grande quando foi abordado por uma guanição. Ele vai responder por tentativa de homicídio, extorsão, e associação criminosa. O caso aconteceu no início da noite. Houve uma denúncia, policiais da Draco foram até o local e, quando tentaram abordar o policial, ele resistiu à prisão. A equipe então optou por não levar a ação adiante, temerosa em atingir a população, e nesse meio tempo o suspeito fugiu para a casa de um primo. Lá, os policiais lhe deram voz de prisão. Mas, em meio às negociações, o suspeito teria reagido e atirado. Os policiais então responderam aos tiros, atingiram-no no braço, e depois o prenderam. O suspeito foi levado para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde se encontra internado e sob custódia. Pelas informações repassadas pela própria Polícia Civil da Paraíba, o policial preso trabalhava na Delegacia de Esperança. O suspeito baleado vai precisar passar por uma cirurgia no braço, mas o estado de saúde dele é estável. Vídeos mais assistidos da Paraíba

Dino

Deixe um comentário