Pré-Carnaval de Caruaru terá Homem da Meia-Noite e os Papangus de Bezerros


Entre os artistas confirmados estão Netinho, Benil e convidados, Elifas Jr e Marron Brasileiro. Programação completa será divulgada nesta terça-feira (16). Saída do Homem da Meia-Noite após dois anos sem carnaval Reprodução/TV Globo O Homem da Meia-Noite, que este ano completa 92 anos de existência, e os tradicionais Papangus da cidade de Bezerros, Agreste de Pernambuco farão parte do Pré-Carnaval 2024 de Caruaru. A informação foi confirmada pela Fundação de Cultura nesta terça-feira (16). Também foram divulgados os primeiros nomes dos artistas que vão se apresentar na festa que acontece nos dias 2 e 3 fevereiro, são eles, Netinho, Benil e convidados, Elifas Jr e Marron Brasileiro. Cerca de 96% dos artistas que compõe o evento são de Caruaru. A programação completa com todos os polos de animação e apresentações musicais deve ser divulgada na tarde desta terça-feira (16). Homem da Meia-Noite Homem da Meia-Noite no carnaval de Olinda. Léo Caldas/Titular Fotografia O calunga foi criado em 2 de fevereiro de 1932, para desbancar o Cariri Olindense. Mas ao longo dos anos o calunga e o "véio do Cariri" se reconciliaram. Tradicionalmente, em seu desfile, o homem entrega a chave da cidade ao Cariri. E ambos fazem a festa dos milhares de foliões apaixonados pelo carnaval em Olinda. O artista plástico João Andrade foi um dos responsáveis pela aparência que o calunga tem atualmente. Segundo ele, a relação com o Homem da Meia-Noite já dura mais de seis décadas, desde quando, pequeno, ele ficava na frente de casa para ver o bloco passar. Bloco do Papangu Carnaval dos Papangus em Bezerros. Joelma Silva O Papangu surgiu na década de 90. Na época, alguns amigos tiveram a ideia de fazer uma simples brincadeira e sair às ruas da cidade com roupas arranjadas e o rosto totalmente coberto para ninguém identificar quem estava por trás da fantasia. Os “mascarados” então passavam de casa em casa pedindo angu de milho aos moradores e criando o mistério sobre a identidade dos foliões. Quando eles surgiam, as crianças gritavam para seus familiares: “Lá vem os papa-angu”. Foi daí que surgiu o tradicional nome do Papangu, anfitrião do carnaval de Bezerros, no Agreste pernambucano.

Celimar de Meneses

Deixe um comentário