Pastor de Caruaru viraliza e é alvo de críticas após proibir jovens de fazer gesto de ‘Coração de Dorama’: ‘defesa da androginia’


Vídeo que conta com milhões de visualizações nas redes sociais foi gravado durante o 22º Congresso de Jovens promovido pela Assembleia de Deus em Pernambuco. A origem vem do japonês "dorama". SOUTH KOREA BLUE HOUSE / TWITTER O Pastor Ailton Junior, da Igreja Assembleia de Deus em Caruaru, Agreste de Pernambuco viralizou após fazer uma declaração que deixou os jovens incomodados na plateia, durante o 22º Congresso de Adolescentes, no Recife. O líder religioso condenou o "coração de dorama", um gesto popular entre os jovens que surgiu com a ascensão das novelas, séries de TV e músicas coreanas. O vídeo que conta com milhões de visualizações nas redes sociais foi gravado no último dia (28) e tem gerado polêmica dentro e fora da comunidade da Assembleia de Deus sobre algumas proibições religiosas. "Não façam mais o coração de Dorama nos púlpitos da igreja para tirar fotos. Vocês sabem o que é dorama? Quem aqui sabe o que é Dorama? Defesa da androginia! Não há definição de macho, nem fêmea. E todo mundo fazendo o sinal de Dorama porque são ignorantes", disse. No vídeo é possível perceber que muitos jovens ficaram incomodados com a mensagem do líder religioso que tinha como tema a "fé". Em outra parte do vídeo, o Pastor Ailton Junior diz que "quando você assiste Doramas e outras séries da TV, de morte, de 'vampiragem', e de tantas desgraças que há, você está se acostumando com a forma como o diabo age". (Veja vídeo) VÍDEO: pastor de Caruaru viraliza ao proibir sinal de 'coração de Dorama' na igrejas. O que são os Doramas? Caruaruense é fã de série coreana. Arquivo pessoal A origem vem do japonês "dorama". Como os japoneses não conseguem pronunciar o encontro consonantal (quando duas consoantes aparecem juntas) da palavra "drama", eles acrescentam uma vogal - no caso, a letra "o", virando "dorama". Em 2023, a Academia Brasileira de Letras (ABL) incluiu a palavra "dorama" no seu vocabulário. O vocábulo se refere às séries asiáticas que se popularizaram no Brasil nos últimos anos e arrebataram uma legião de fãs. A ABL publicou, a seguinte definição nas redes sociais: Dorama: substantivo masculino. Obra audiovisual de ficção em formato de série, produzida no leste e sudeste da Ásia, de gêneros e temas diversos, em geral com elenco local e no idioma do país de origem.

Celimar de Meneses

Deixe um comentário