Câmeras de segurança registraram mulher sendo perseguida e agredida por homem, em João Pessoa


As imagens mostram o homem perseguindo a mulher em uma rua movimentada. Em outro momento, ela se abriga em uma lanchonete, o suspeito puxa seus cabelos e arromba o local. Câmeras de segurança registraram homem perseguindo mulher, em João Pessoa Reprodução Câmeras de segurança registraram na manhã desta segunda-feira (5) uma mulher sendo perseguida e agredida por um homem no bairro do Geisel, em João Pessoa. Durante a tarde, o homem foi identificado pela população do bairro, agredido e socorrido para o Hospital de Trauma, onde estava detido, mas no início da noite ele foi levado para a Central de Polícia. A mulher prestou depoimento no período da tarde na Central de Polícia. As imagens mostram a vítima caminhando em uma rua e sendo seguida por um homem que usa uma camisa na cabeça. Ela olha para trás algumas vezes e segue a passos rápidos pela via. A perseguição continua até a mulher virar uma esquina, então o suspeito corre atrás da vítima. Câmeras de segurança registram homem perseguindo e agredindo mulher, em João Pessoa A mulher se abriga na lanchonete em que prestava alguns serviços, e consegue fechar o portão, mas o homem puxa seus cabelos. Ela consegue se livrar da agressão e corre para dentro do estabelecimento. Em seguida, o homem tenta pular o portão, mas não consegue e desaparece das imagens. Pouco tempo depois, ele quebra o portão e entra no estabelecimento. Segundo o dono da lanchonete, a vítima se abrigou em um banheiro dentro do local e ligou para a esposa dele para avisar que estava sendo atacada. O proprietário afirma que o homem arrombou a porta do banheiro e mandou a vítima tirar a roupa, mas ela se recusou e avisou que o local possui câmeras de segurança. Após o aviso, o dono da lanchonete disse que o suspeito mandou ela correr para a parte de trás do estabelecimento e roubou um ventilador. “Encontrei ela no chão, desesperada, não conseguia falar, coloquei ela no carro e tentei procurar ele (o suspeito) no entorno, nas redondezas”, afirmou. O dono da lanchonete também afirmou que após a divulgação das imagens a população identificou o homem e o local onde ele morava, encontraram o suspeito e chamaram a polícia. Segundo o proprietário, a residência do homem é próxima a lanchonete. Segundo a Polícia Militar, o homem foi agredido pela população e precisou ser socorrido e levado para o Hospital de Trauma. Segundo a unidade hospitalar, o homem de 29 anos foi conduzido por uma viatura da PM, passou por procedimentos médicos e segue em observação de cirurgia geral e neurocirurgia. O quadro clínico é estável. Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba

Dino

Deixe um comentário