Pernambuco vai inaugurar no Sertão a primeira escola indígena de tempo integral do Brasil


Em cerimônia realizada em Serra Talhada, no Sertão, a governadora Raquel Lyra anunciou a abertura da escola que irá funcionar em Cabrobó. Governadora Raquel Lyra participa da abertura do ano letivo estadual e anuncia 14 novas escolas em tempo integral, incluindo a primeira unidade indígena desta modalidade do Brasil Miva Filho/Secom Nesta segunda-feira (5), a governadora Raquel Lyra acompanhou a abertura do ano letivo estadual na Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Professor Adauto Carvalho, em Serra Talhada, no Sertão do Estado. Na ocasião, a gestora anunciou a ampliação da rede de escolas integrais pernambucanas, com o acréscimo de 14 unidades incluindo a primeira escola indígena desta modalidade do Brasil, no município de Cabrobó, também no Sertão. Com a mudança, das 1059 escolas da rede estadual de Pernambuco, 651 passam a ser de educação integral. A visita da governadora ao Sertão marcou o início do ano letivo de 2024. “A gente está abrindo o ano escolar hoje, em Serra Talhada, visitando duas turmas e conversando com estudantes. A educação é o caminho que temos para a verdadeira democracia, libertação e conquista dos sonhos. É meu dever, como gestora, poder proporcionar para os profissionais de educação e para os alunos a melhor experiência possível", afirmou a governadora Raquel Lyra. Na unidade de ensino, Raquel Lyra ainda inaugurou uma quadra poliesportiva coberta que vai beneficiar mais de 400 estudantes da cidade, mais uma entrega do Programa Juntos pela Educação. O investimento total no equipamento foi de R$ 950 mil.

Celimar de Meneses

Deixe um comentário