Estudantes da PB fazem página com dicas sobre uso seguro da internet e vencem prêmio


Estudantes produzem e publicam vídeos e memes com dicas sobre o uso seguro e cidadão na internet. Estudante do IFPB produzindo material para projeto vencedor de prêmio sobre cidadania digital TV Paraíba/Reprodução Uma turma com quase 40 alunos do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), do campus de Cajazeiras, no Sertão do estado, venceu o Prêmio Cidadania Digital em Ação. O projeto responsável pela vitória na premiação é uma página no Instagram, que tem o objetivo de conscientizar sobre a segurança digital. “É uma emoção muito forte. Principalmente no início do projeto, até eles mesmos não acreditavam que podiam ser finalistas. E eu sempre dizia a eles que eles precisam ter essa mentalidade de que eles são vencedores, independente do resultado. O paraibano é isso. Além de tudo, forte. Esse prêmio, esse reconhecimento mostram isso. Que eles têm potencial de ir mais longe”, destacou o professor de informática João Paulo Freitas de Oliveira. 📱 Compartilhe esta notícia pelo Whatsapp “É uma sensação até difícil de descrever. É gratificante ver que todo o nosso esforço foi reconhecido”, completou a estudante Maria Eduarda Pinheiro Calixto. 📱 Compartilhe esta notícia pelo Telegram No perfil da rede social, os estudantes produzem e publicam vídeos e memes com dicas sobre o uso seguro e cidadão na internet. Em parte do material, por exemplo, os jovens explicam conceitos como inteligência artificial, marco civil da internet e roubo de identidade. LEIA TAMBÉM: MINHAS MAIORES MOTIVAÇÕES: filha de gari e vigia passa em medicina após estudar com livros doados PERSEVERANÇA: jovem passa em medicina na UFCG após oito tentativas Os alunos vão além disso, e ainda contextualizam e conscientizam quanto a aspectos que se tornaram comuns e impactam no cotidiano social, a exemplo do discurso de ódio e a segurança de senhas em aplicativos e sites. “Nesse contexto, a gente pratica a aprendizagem ativa. O estudante é estimulado para o processo de conversa, de debate e de produção de conteúdos. Quando eles são estimulados da maneira certa, eles podem chegar a excelentes resultados”, explicou o professor. Alunos do IFPB que venceram prêmio com projeto sobre segurança digital TV Paraíba/Reprodução A equipe "Intin Technews" é formada por 39 estudantes, com idades de 14 a 16 anos, do 1° ano do ensino médio integral do IFPB de Cajazeiras. A iniciativa foi criada a partir das aulas que eles tiveram com o material da disciplina de Cidadania Digital, criada pela ONG Safernet e o Governo do Reino Unido. O professor de informática João Paulo Freitas de Oliveira, que deu as aulas da disciplina, e a representante dos alunos, Maria Eduarda Pinheiro Calixto, viajaram para São Paulo, onde receberam o prêmio nesta terça-feira (6). Como venceram o prêmio em 1º lugar, os paraibanos vão receber medalhas, troféus e um leitor de livros digitais. Os estudantes que ocupam a segunda a terceira posições também vão ganhar equipamentos eletrônicos. Além da premiação, os professores e estudantes representantes das iniciativas premiadas podem participar de uma oficina exclusiva de cocriação de planos de aula para a disciplina de Cidadania Digital. A finalidade é que o grupo possa compartilhar as experiências que tiveram para que outras escolas também possam se engajar com a temática. Prêmio tem objetivo de promover uso seguro, consciente, saudável, crítico e positivo da tecnologia O prêmio Cidadania Digital em Ação foi idealizado com o objetivo de engajar estudantes e professores da educação básica e as comunidades deles com o uso seguro, consciente, saudável, crítico e positivo da tecnologia. Ao todo, 15 iniciativas de sete estados diferentes participaram da premiação. Sendo que três foram escolhidas como vencedoras. Concorreram ao prêmio projetos criados por professores de ensino fundamental e médio que aderiram à disciplina de Cidadania Digital, atividade criada pela Safernet e o governo britânico para auxiliar escolas e redes de ensino a ter um currículo nesse tema. Estudantes em aula de projeto que venceu prêmio sobre segurança digital TV Paraíba/Reprodução “A premiação foi criada para dar visibilidade às escolas que estão inserindo a segurança e a cidadania digital em seus currículos como forma de preparar adolescentes para os desafios do uso seguro e consciente das tecnologias. Ao engajar estudantes para que eles e elas criem e protagonizem ações de mobilização, professoras e professores têm fortalecido uma agenda que busca prevenir violências nos ambientes digitais”, afirma Guilherme Alves, gerente de projetos da Safernet. A disciplina de Cidadania Digital foi implementada em 2023 por 182 professores, em 156 escolas brasileiras, para 11 mil estudantes, de 13 estados e 116 cidades. O projeto disponibiliza gratuitamente um caderno de aulas para professores, com roteiros completos que podem ser aplicados em sala de aula. Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba

Dino

Deixe um comentário