Designer de interiores Thaynara Andrade conta como o ensino superior mudou sua realidade Segundo o Instituto Semesp, 80% dos alunos que fizeram o Enem e não conseguiram ingressar em uma faculdade vêm de escola pública Divulgação/FPB A designer de interiores Thaynara Andrade tinha apenas um ano de idade quando os pais saíram de Guarulhos, no estado de São Paulo, para tentar a sorte na capital paraibana. Na época, o pai ficou desempregado, após o aeroporto em que trabalhava ser fechado. Para sustentar a família, José Thomé virou pedreiro e a mãe Andréa Andrade, empregada doméstica. Hoje, com 22 anos, formada em Design de Interiores e cursando Arquitetura e Urbanismo na Faculdade Internacional da Paraíba (FPB), Thaynara conta como conseguiu superar as barreiras da desigualdade social e o preconceito para alcançar seu sonho. Dados do Mapa do Ensino Superior 2020, elaborado pelo Instituto Semesp, mostram que 80% dos alunos que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e não conseguiram ingressar em uma faculdade vêm de escola pública. Além disso, 80% possuem renda familiar de até três salários mínimos. Números que retratam algo que Thaynara sentiu na pele. “Estudei toda minha vida em escolas públicas e confesso que não me senti tão preparada para ingressar em uma faculdade. Era muito medrosa e receosa quando se tratava de conquistar meus sonhos e planos, sempre pensava que não conseguiria. Na faculdade, conheci várias pessoas, inclusive professores que me ajudaram em quase todos os momentos. Tive várias oportunidades incríveis, principalmente em áreas que eu sempre tive afinidade”, lembra Thaynara. A designer de interiores afirmou que, apesar das adversidades que encontrou no caminho, nunca pensou em desistir do seu sonho porque sua ambição tinha como fonte de inspiração seu pai. Ela conta também que a vivência da faculdade ajudou a enfrentar suas próprias inseguranças. Com sua resiliência inabalável, Thaynara provou que, apesar do cenário do ensino público e o acesso à educação de qualidade no país estar longe de ser o ideal, com força de vontade é possível alcançar seus objetivos. "Sempre foi meu sonho desde pequena, por acompanhar meu pai em obras quando era criança às vezes o ajudava também. Então criei um certo zelo pelo curso. Entrei na FPB com uma bolsa e a faculdade mudou praticamente tudo. Eu consegui entrar no mercado qualificada e, acima de tudo, chegar em casa e mostrar o certificado aos meus pais, ver o brilho no olhar deles, é fantástico”, explica ela. Ainda durante o curso, Thaynara se destacou e conseguiu diversos estágios na área, o que a permitiu desenvolver melhor os conhecimentos aprendidos em sala de aula e se preparar para o mercado de trabalho. Ela podia ter parado por aí, mas, com toda a sua obstinação, almejava mais e voltou para a sala de aula em busca de uma formação complementar. “Iniciei Design e, no final, já estagiando, ingressei em Arquitetura e Urbanismo na FPB. Para não perder a oportunidade, cursei as duas formações ao mesmo tempo, uma pela manhã e outra a tarde”, falou a estudante. A experiência na faculdade foi tão marcante que Thaynara guarda consigo até hoje as palavras encorajadoras da professora Isis Almeida, que ela se referiu como amiga. “Todos nós somos capazes de alcançar todos os nossos objetivos basta dar o primeiro passo. Ela dizia que se você quer, você pode, você consegue, você é capaz de tudo isso e é maior que todos os seus problemas”, declarou Thaynara. Arquitetura e Urbanismo na FPB O curso de Arquitetura e Urbanismo da FPB forma profissionais devidamente habilitados a exercer a profissão de arquiteto e urbanista, com formação acadêmica que permita sua inserção nos diferentes segmentos de atuação. O curso desenvolve habilidades humanistas, capacidade técnica e artística, e visão científica ampla e atualizada, capazes de compreender e traduzir as necessidades de indivíduos, grupos sociais e comunidade.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.