Venda de casas é proibida por contrato. As invasões têm sido registradas nas áreas verdes e públicas. Prefeitura de Campina Grande identifica invasões e venda de casas do Complexo Aluízio Campos Reprodução/TV Paraíba Desde o início da inauguração do Complexo Habitacional Aluízio Campos, em 2019, a Secretaria de Planejamento de Campina Grande tem observado que acontecem invasões às casas desocupados e aos terrenos, inclusive com a presença de construções irregulares. De acordo com o secretário de planejamento, Félix Araújo, a prefeitura tem recebido denúncia também sobre a venda de casas, que é proibido em contrato. Nesta segunda-feira (5), foi realizada uma operação com a Guarda Municipal e Polícia Militar para evitar as invasões. Com relação a venda das casas. "Temos recebido denúncias e tomado as providências legais", declarou Félix Araújo. As invasões têm sido registradas nas áreas verdes e públicas e coibidas por várias frente, desde a própria Seplan até com outras secretarias. O Complexo Aluízio Campos é o maior conjunto habitacional em construção no Brasil, segundo o Governo Federal. As obras iniciaram em 2014. São 3.012 casas e 1.088 apartamentos. O local ainda conta com escolas, postos de saúde e praças. Vídeos mais assistidos do G1 Paraíba

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.