Atualização da Cardano ocorre nesta quinta-feira; o que muda na criptomoeda?

A Cardano (ADA) realizará seu tão esperado hard fork (bifurcação) nesta quinta-feira (22). Chamada de “Vasil”, a atualização, segundo o projeto cripto, visa dar um “upgrade” nos smart contracts (contratos inteligentes) da rede, aumentar o rendimento e a escalabilidade da cadeia e reduzir custos.

Um hard fork é o processo em que uma blockchain decide dividir sua cadeia, tornando-se incompatível com versões anteriores. É o mesmo que ocorreu com Bitcoin (BTC) e Bitcoin Cash (BCH), e Ethereum (ETH) e Ethereum Classic (ETC), por exemplo.

A linguagem de programação usada para a criação de smart contracts na Cardano é a “Plutus”. A Vasil entregará uma segunda versão dela, chamada “Plutus (v)2”. Na prática, segundo a Cardano, a mudança vai deixar a linguagem mais “eficiente e poderosa”. Os novos recursos da Plutus v2 ficarão disponíveis após a finalização do hard fork.

A Cardano às vezes é criticada porque seus recursos de contratos inteligentes são vistos como atrasados em relação ao Ethereum e outras blockchains do mercado de finanças descentralizadas (DeFi).

Ao contrário do Ethereum, que usa um sistema de contabilidade mais eficiente chamado “account model” (modelo de conta, na tradução para o português), a Cardano ainda utiliza um método chamado “Unspent Transaction Output” (UTXO), usado por criptos como o Bitcoin.

Na atualização, a Cardano pretende dar um upgrade na metodologia de contabilidade para lidar com contratos inteligentes, de forma a manter o máximo possível de funcionalidades fora da blockchain, melhorando o dimensionamento da rede em relação a ataques e falhas de segurança.

“Alguns veem blockchains como plataformas totalmente programáveis, mecanismos de jogos, bancos de dados e outros enfeites. Mas elas realmente não são. Elas são livros-razão e acompanham as transações”, disse o diretor técnico da Cardano, Matthias Benkort. Como tal, manter o mínimo de execuções críticas na cadeia é crucial para fins de segurança e auditoria, acrescentou.

Outras melhorias da atualização incluirão aumento da velocidade e de escalabilidade da Cardano, o que agilizará o processo de compartilhamento de informações sobre blocos recém-criados entre os participantes da rede, garantindo que eles possam ser propagados pela rede em até cinco segundos após sua criação, de acordo com um post no blog do Input Output (IOG), laboratório de desenvolvimento da blockchain Cardano.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Cadastre-se e descubra como surfar o Boom do Metaverso e transformar essa evolução tecnológica em excelentes oportunidades de investimentos

The post Atualização da Cardano ocorre nesta quinta-feira; o que muda na criptomoeda? appeared first on InfoMoney.

lucasgmarins

lucasgmarins

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.