Casado, mais de 20 anos de carreira e ‘caveira’ do Bope: conheça major da PM de PE que morreu ao levar tiro acidental em batalhão no DF


Francisco Alexandre Bezerra da Silva, de 38 anos, participava de curso, nesta terça (22), quando levou tiro na cabeça. Oficial será enterrado com honras militares. Policial militar de Pernambuco, Francisco Alexandre Bezerra da Silva morreu com tiro dentro do Batalhão da Força Nacional do Gama, no Distrito Federal Divulgação/Secretaria de Segurança Pública de Pernambuco O policial militar de Pernambuco que morreu após levar um tiro acidental, dentro do Batalhão da Força Nacional do Gama, em Brasília (DF), nesta terça (22), tinha mais de 20 anos de corporação. Casado e sem filhos, o major Francisco Alexandre Bezerra da Silva, de 38 anos, atuou no Agreste e Sertão do estado e se tornou “caveira’ do Bope, após ser aprovado em curso de operações especiais. Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Telegram O oficial participava do Segundo Curso de Segurança e Proteção de Autoridades, promovido pela Força Nacional de Segurança Pública (FNSP). O tiro foi disparado por um integrante da FNSP que estava em outra sala, segundo a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS). A bala travessou a divisória e atingiu o oficial. Ainda de acordo com a SDS, o major Alexandre seguiu para o Hospital Regional do Gama, mas não resistiu ao ferimento na cabeça. O responsável pelo disparo foi levado para a delegacia e autuado em flagrante. LEIA TAMBÉM: FLAGRANTE: militar da FAB acusado de matar colega com tiro permanece preso Perfil O oficial entrou na PM de Pernambuco em 15 de março de 2002. Ele serviu na Rondas Ostensivas com Apoio de Motos ( Rocam), 1º Batalhão e Integrado Especializado (1º BIEsp), em Caruaru, e 2º Biesp, em Petrolina. Em 2009, concluiu o 8º Curso de Operações Policiais Especiais. O major Francisco Alexandre chegou à SDS em fevereiro de 2020. Na secretaria, atuava como ajudante de ordem. Por meio de mota de pesar, a SDS classificou o oficial como ”profissional extremamente qualificado e dedicado”. A secretaria disse, ainda, que ele era “um companheiro de trabalho querido" e que conquistou "admiração e amigos por onde passou”. Procedimentos A SDS informou que o corpo do oficial tem previsão de sair do Instituto de Medicina Legal (IML) de Brasília às 17h desta terça e deve chegar ao Recife no início da noite. A PM de Pernambuco informou que, até as 16h desta terça, não havia sido definido o local do enterro, que contará com honras militares. Segundo a PM, a viúva, Jaqueline, e a família de Francisco Alexandre estão “recebendo todo o apoio da corporação”. A Polícia Militar de Pernambuco disse que as investigações sobre o acidente serão realizadas pelos “órgãos competentes” do Distrito Federal. Na tarde desta terça, a PM de Pernambuco divulgou uma nota de pesar. A SDS disse que o secretário Humberto Freire, que participava do mesmo evento, esteve no hospital e “e acompanha “os procedimentos cabíveis”. Na nota, a SDS transmitiu os sentimentos à sua esposa, Jaqueline, “representando familiares e entes queridos.” Leia nota pesar na íntegra Comunicamos, com imenso pesar, a morte do major da PMPE Francisco Alexandre Bezerra da Silva, de 38 anos. Na manhã desta terça-feira (22), ele participava, em Brasília, do 2º Curso de Segurança e Proteção de Autoridades, promovido pela Força Nacional, quando foi atingido por tiro disparado por um integrante da FNSP, que estava em outra sala. O projétil, no entanto, transfixou a divisória das salas e atingiu o major Alexandre, que foi socorrido para o Hospital Regional do Gama, mas, infelizmente, não resistiu ao grave ferimento na cabeça. Em Brasília, onde participava do encontro do Consesp, o secretário de Defesa Social, Humberto Freire, deslocou-se para a unidade hospitalar e acompanha, junto ao Ministério da Justiça e Segurança Pública e à Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal, os procedimentos cabíveis. O autor do disparo foi encaminhado para a 14ª Delegacia de Polícia, no Gama, e autuado em flagrante. Perícias criminais e médico-legais estão em curso, assim como uma aeronave está sendo providenciada para translado do corpo para o Recife, onde haverá um funeral com honras militares. Major Alexandre ingressou na PMPE em 15 de março de 2002. Nesses mais de 20 anos de carreira, serviu à corporação e à população pernambucana atuando pela Rocam, 1º BIEsp (Caruaru), 2º BIEsp (Petrolina) e BOPE. Conseguiu feito de poucos ao concluir, em 2009, o 8º Curso de Operações Policiais Especiais, tornando-se um “Caveira”. Chegou à SDS em fevereiro de 2020, onde desde então vinha exercendo a função de Ajudante de Ordem. Major Alexandre foi um profissional extremamente qualificado, dedicado e um companheiro de trabalho querido, conquistando admiração e amigos por onde passou. Sua trágica e prematura morte enluta todos os que fazem a segurança pública em Pernambuco. Transmitimos nossos sentimentos à sua esposa, Jaqueline, representando demais familiares e entes queridos. VÍDEOS: mais vistos de Pernambuco nos últimos 7 dias
G1 > Caruaru e Região

G1 > Caruaru e Região

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.