Homem é preso por provocar incêndio na casa da ex-companheira e matar gato dela


Suspeito teria ameaçado de morte e agredido a mulher antes de incendiar a casa. Gato morreu em incêndio na casa da dona em Buíque Reprodução/WhatsApp A Polícia Civil divulgou na última quarta-feira (23) que prendeu um homem suspeito de atear fogo na casa da ex-companheira e provocar a morte do animal de estimação dela, um gato, na cidade de Buíque, no Agreste de Pernambuco. O crime ocorreu na última terça-feira (22). Antes de atear fogo na casa, o homem teria ameaçado de morte e agredido a ex-companheira. Ela foi socorrida pelo filho e o homem fugiu do local do crime. À noite, no mesmo dia, a vítima saiu de casa e procurou abrigo na casa de familiares porque estava com medo de permanecer no local. O suspeito voltou e incendiou o imóvel. O incêndio criminoso acabou provocando a morte do gato da ex-companheira. De acordo com a polícia, os vizinhos ajudaram a apagar o incêndio. "Infelizmente, um animal doméstico acabou não resistindo às chamas e foi consumido pelo fogo. Mais um caso de violência doméstica acaba mal", afirma o delegado responsável pelo caso, Vicente Dessoto Cavalcanti.
G1 > Caruaru e Região

G1 > Caruaru e Região

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.